Foto: Matheus Britto/PJG

Festa da Pitomba começa domingo em Jaboatão com procissão

O domingo de Páscoa marca o início da 361ª edição da tradicional Festa da Pitomba, que segue até o dia 9 de abril, no Parque Histórico Nacional dos Guararapes.  A celebração é realizada em homenagem a Nossa Senhora dos Prazeres, padroeira do Jaboatão. A abertura será com a procissão da Bandeira de Nossa Senhora dos Prazeres, que acontece às 15h, saindo da Matriz de Nossa Senhora do Rosário, em Prazeres, com destino ao Santuário.  Em seguida será celebrada uma missa campal e, ao longo da semana, acontecerão as novenas.

Além das atividades religiosas, o evento terá shows e outras atrações culturais, que acontecem a partir da próxima quinta-feira (5) e seguem até a segunda (9). No total, serão realizados 21 shows no palco principal, por onde passarão artistas como Maestro Spok, Gerlane Lopes, Josildo Sá, Adilson Ramos, MC Tróia, MC Elvis, Banda Torpedo, Batista Lima, Fim de Feira e artistas locais. As apresentações começam a partir das 20h e seguem até a meia-noite.

Ao longo dos nove dias de festa, para garantir total tranquilidade ao público, foi montado um esquema de segurança com 420 homens, sendo 150 policiais militares, 180 guardas municipais, 90 bombeiros e duas unidades móveis de videomonitoramento. O SAMU dará suporte ao evento com um posto médico, além de viaturas, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, condutores e bombeiros civis. Algumas secretarias municipais também promoverão diversas ações conjuntas, como orientações sobre o combate à violência contra a mulher, criança e adolescente, e campanhas educativas nas áreas da Saúde e Desenvolvimento Social. A Secretaria de Saúde realizará, no período de 4 a 9 de abril, testagem rápida para diagnóstico e aconselhamento sobre DSTs (HIV, sífilis e hepatites), além de informar a população sobre prevenção, diagnóstico e tratamento dessas doenças. No dia 4, das 10 às 16 horas, também serão realizados exames para diagnóstico de tuberculose.

TRÂNSITO

Para garantir o melhor fluxo para quem vai participar do evento, a Secretaria Executiva de Mobilidade e Acessibilidade (Sema) interditará a Av. Guararapes, onde acontece a Procissão da Bandeira. O bloqueio começa na Av. Dr. Júlio Maranhão e segue até o Monte dos Guararapes. Da segunda (2) ao dia 8 de abril, agentes de trânsito fiscalizarão e interditarão as vias próximas ao Parque Histórico. No dia 9, a terceira etapa da operação acompanha o trajeto da procissão de encerramento, com saída pelo Monte Guararapes, passando pela via local da PE-008 (Av. Dr. Júlio Maranhão), seguindo pela Av. Guararapes e Rua dos Sonhos.

HISTÓRIA

A festa é organizada no Parque Histórico Nacional dos Guararapes, tombado pelo Iphan. O local simbólico, rodeado de pitombeiras, foi palco de batalhas históricas entre portugueses e holandeses. Considerada uma das mais tradicionais manifestações culturais de Pernambuco, a comemoração católica foi nomeada como Festa da Pitomba por acontecer na época de colheita da fruta tropical. Em documento assinado pelo general Francisco Barreto de Menezes, em 8 de novembro de 1656, sobre a doação da capela existente no local onde se travou a Batalha dos Guararapes, entre brasileiros e holandeses, consta, textualmente, a seguinte ressalva: “Neste altar deverá ser celebrada missa todos os dias santos, e todos os anos deverá exaltar Nossa Senhora dos Prazeres, com grandes festejos e muita pompa.” Por este motivo o evento acontece logo após o período pascal.

Veja também

Jaboatão inicia cadastramento de empreendedores solidários

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes iniciou, nesta terça-feira (4), o processo de cadastramento e …