Foto: Chico Bezerra/PJG

Jaboatão recebe mais de 150 mil pessoas para a festa da virada

A festa de réveillon do Jaboatão dos Guararapes levou cerca de 150 mil pessoas à orla de Candeias. Em um palco montado próximo ao Mercado do Peixe, a banda Pinga Fogo deu início aos festejos às 20h. Em seguida, recebido por um público ávido, o cantor paraibano Gabriel Diniz, que se apresentou pela primeira vez na festa, subiu ao palco. Fenômeno do forró nacional, o ex-vocalista das bandas Capim com Mel e Cavaleiros do Forró fez o público dançar ao som de hits como “Acabou, acabou”, “Paraquedas” e “Dona Maria”.

“Eu fico muito feliz por ter sido escolhido para animar a virada de ano do público do Jaboatão. É uma responsabilidade tamanha e que eu recebi com todo o carinho”, afirmou Gabriel. No início da apresentação, o músico convidou o prefeito Anderson Ferreira para subir ao palco e disparou: “Vou ficar pra tomar banho nessa praia, viu? Quero aproveitar essa bioducha. Rapaz, que ideia!”

Em breve discurso, o prefeito garantiu que este é apenas o começo de uma nova fase para os jaboatonenses. “Acredito que esta celebração marca muito bem o que tem sido a nossa gestão. É a recordação de que a mudança começou, com a certeza de que ainda faremos muito mais”, pontuou o gestor nos bastidores. Após a contagem regressiva, puxada por Gabriel Diniz, o público presente assistiu a 12 minutos de show pirotécnico. Os fogos haviam sido preparados em dois diques instalados por trás do palco.

Não demorou muito e a terceira atração da noite, o grupo Shot Sertanejo, deu continuidade à festança. No repertório, alguns dos maiores sucessos da atualidade, como “Você Partiu Meu Coração”, que ganhou destaque em 2017 na voz dos cantores Nego do Borel, Wesley Safadão e Anitta, transformaram a areia da praia em um grande salão de forró. Em meio ao público, a estudante Maria Eduarda Tavares, de 16 anos, curtia pela primeira vez o réveillon na sua cidade natal. “Meus pais costumavam viajar no fim de ano, mas eu sou fã de GD, eles não puderam recusar meu pedido”.

O grupo Cascabulho, penúltima atração da programação, comemorou sua participação na festa: “São mais de 20 anos de carreira. Nossa história começou em 1995, justamente aqui, e, por incrível que pareça, é a nossa primeira vez no réveillon da cidade”, revelou o vocalista Kleber Magrão. “A nossa participação nessa festa é importante porque sempre levamos o nome do Jaboatão para o mundo. Esse show vem coroar a carreira do Cascabulho e nosso novo vinil, ‘O Dia em que o Samba Perdeu para a Feijoada’. Cantar para um público deste tamanho é uma emoção diferente para o grupo”, pontuou Magrão.

O primeiro réveillon organizado pela gestão do Prefeito Anderson Ferreira agradou não apenas o público, mas também os comerciantes cadastrados para alugar mesas e cadeiras e vender bebidas no local. “Passamos um ano sem festa e isso pesa no bolso do trabalhador. Graças ao empenho do prefeito, temos a oportunidade de começar o ano com boas expectativas. Em tempos de crise, é renovador poder iniciar 2018 já com um dinheiro extra”, comemorou o comerciante José Manoel, de 32 anos.

A programação seguiu até às 5h, com arrastão de frevo conduzido pela tradicional orquestra do município. Um palco montado no Centro Cultural Miguel Arraes, na Estrada da Batalha, em Prazeres, dará continuidade aos festejos com a celebração do Dia Municipal de Ação de Graças. Voltado para o público cristão, o evento começa às 17h e conta com apresentação dos cantores Irmão Lázaro, Thalles Roberto e Bruna Karla, além de artistas locais.

Tranquilidade e segurança
Com policiamento reforçado na vasta faixa de areia, a noite foi tranquila na orla de Candeias. Um efetivo de 294 homens, sendo 214 policiais militares, 60 guardas municipais, 10 bombeiros civis e 10 bombeiros militares, além de 150 seguranças contratados, dois veículos de videomonitoramento e 110 agentes de trânsito garantiram a segurança do público.

Veja também

Procon Jaboatão realiza fiscalizações em estabelecimentos comerciais e promove Código de Defesa do Consumidor

O Código de Defesa do Consumidor, promulgado no ano de 1990, completa 28 anos nesta …