Procon Jaboatão constata variação de até 2.883% em preços de medicamentos

Em alusão ao Dia do Idoso, comemorado nesta segunda-feira (1º), o Procon do Jaboatão dos Guararapes realizou, nesta segunda-feira (1º), pesquisa de preço dos medicamentos mais utilizados pelo segmento e constatou diferença de até 2.883% entre valores cobrados. O levantamento foi realizado nas principais farmácias do município, entre os dias 1º e 25 de setembro, e coletou os maiores e menores preços dos medicamentos de marcas registradas e genéricos.

De acordo com a pesquisa, medicamentos indicados para o controle da hipertensão arterial estão entre os que apresentaram maior diferença percentual entre o menor preço da opção genérica e o maior preço do remédio de marca registrada. O medicamento Captopril apresentou variação de 2.883%. A Losartana Potássica apresentou 1.800% de diferença percentual e o Atenolol demonstrou 1.383%. Todas essas substâncias são utilizadas para o controle da pressão arterial.

Diante desse cenário, a recomendação do órgão de defesa do consumidor é para que a população pesquise antes de efetuar a compra, a fim de evitar possíveis prejuízos financeiros. “Caso o consumidor deseje realmente comprar apenas um remédio de marca registrada, deve seguir pesquisando para encontrar preços melhores, pois dentro dos remédios, de marca a diferença pode chegar a 153%. A pesquisa de preços também deve ser feita caso o consumidor busque adquirir apenas medicamentos genéricos, por haver diversas marcas, há grande variação de preço”, pontuou José Rangel, superintendente do Procon Jaboatão.

Veja também

Após requalificação, quadra poliesportiva é entregue à população de Marcos Freire

A partir desta sexta-feira (6), moradores do bairro de Marcos Freire, no Jaboatão dos Guararapes, …