Foto: PJG/Divulgalção

Jaboatão capacita servidores e estimula adoção de práticas de combate ao racismo institucional

A Secretaria de Assistência Social e Cidadania do Jaboatão dos Guararapes deu início, nessa segunda-feira (6), a um curso de enfrentamento ao racismo institucional na gestão pública. As aulas, direcionadas a 60 servidores de diversas secretarias municipais, serão ministradas nas segundas e sextas-feiras, no período de 6 de maio a 21 de junho. O curso é fruto de um convênio (834402/2016) entre a Prefeitura do Jaboatão, o Governo Federal e Centro Universitário dos Guararapes (UniFG).

De acordo com a secretária-executiva de Direitos Humanos do Jaboatão dos Guararapes, Cláudia Freire, a iniciativa visa, principalmente, conscientizar servidores sobre a importância do atendimento humanizado e igualitário na esfera pública. “Queremos ressaltar a urgência de tratarmos o tema do racismo institucional objetivando, com isso, contribuir para a redução das desigualdades. Além disso, iremos discutir o panorama geral das políticas públicas direcionadas à população negra”, explicou a gestora.

“O racismo institucional tem sido uma pauta de fundamental importância para a Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial. Nessa perspectiva, esse projeto da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes, vem colaborar para a qualificação dos servidores municipais nas áreas de educação, segurança pública e saúde, resultando, certamente, na prestação de serviços públicos de qualidade e igualitário”, acrescentou Leila Calaça, representante do Governo Federal.

Veja também

Caravana do Esporte e das Artes reúne mais de 3 mil alunos da rede municipal no Centro Cultural Miguel Arraes

O ciclo de atividades promovidas pela Caravana do Esporte e das Artes, no Centro Cultural …