Jaboatão ganha dois prêmios do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O município do Jaboatão dos Guararapes foi vencedor em duas categorias do Prêmio Boas Práticas em Políticas Familiares Municipais concedido pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. O Programa Integra, pioneiro no País, foi primeiro colocado na área de “Políticas de Proteção Social Destinadas a Famílias Vulneráveis no Contexto da Pandemia da Covid-19”. Já o programa Famílias Fortes venceu na categoria de “Políticas Públicas Relacionadas ao Fortalecimento de Vínculos Familiares Intergeracionais: Promoção da Convivência Interfamiliar e Intergeracional no Âmbito das Relações Familiares”. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (11) e a cerimônia de entrega dos prêmios será no próximo dia 21, em Brasília.

Além da situação de vulnerabilidade, os dependentes químicos se configuram um público mais propenso à incidência do novo coronavírus. Daí a importância da atenção a toda família com informações específicas de prevenção, na distribuição de máscaras, kits de higiene, solicitação de documentos e busca por auxílio emergencial. As equipes da Secretaria de Municipal Assistência Social e Cidadania e da Secretaria Executiva da Família e Política sobre Drogas também tratam sobre alternativas de convivência, socialização e formação de mão de obra.

O Prêmio Boas Práticas em Políticas Familiares Municipais foi criado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos para destacar as experiências exitosas postas em prática em cidades de todo o Brasil. A intenção é incentivar a implementação de políticas públicas que tenham foco na família e o fortalecimento dos vínculos. Também tem o objetivo de impulsionar as iniciativas que venham a fortalecer e consolidar o desenvolvimento social e econômico das pessoas que fazem parte dos núcleos familiares. Outro critério da premiação é que as ações possam ser replicadas pelos demais municípios.