Foto: Chico Bezerra/PJG

No Jaboatão, conferência discute políticas públicas para crianças e adolescentes

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes deu início, nesta quarta-feira (19), à 8ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. O evento, realizado em parceria com o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, segue até esta quinta-feira (20), no auditório da Faculdade dos Guararapes, no bairro de Piedade. Sob o tema “Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento das Violências”, o evento pretende definir ações para garantir o pleno acesso das crianças e adolescentes às políticas sociais.

De acordo com a secretária municipal de Assistência Social e Cidadania, Mariana Inojosa, o momento também visa a formular propostas de enfrentamento das diversas formas de violência contra crianças e adolescentes. “Até 1990, quando foi promulgado o Estatuto da Criança e do Adolescente, esses jovens não eram vistos como cidadãos. Foi necessária a criação de um livro, com regras, direitos e deveres, para que essas pessoas passassem a ser enxergadas. Hoje, 28 anos mais tarde, ainda precisamos discutir muito acerca desse tema, para evitarmos maus tratos, exploração e outros tipos de violência”, comentou Mariana.

Veja também

Deficiente visual assume coordenação na Secretaria de Direitos Humanos do Jaboatão

Bacharela em Direito, Marília de Mendonça foi a primeira formanda no Estado a receber o …