Pescadores artesanais do Jaboatão são habilitados como profissionais pela Marinha

Um grupo de pescadores artesanais da Colônia Z-25, em Piedade, no Jaboatão dos Guararapes, concluiu o curso de formação de aquaviários oferecido via parceria da Prefeitura do Jaboatão com a Capitania dos Portos de Pernambuco, nesta terça-feira. Agora, os 21 participantes desta primeira turma que conseguiram aprovação em todas as etapas estão habilitados como pescadores profissionais nível 1. Outras turmas devem ser abertas.

O prefeito Mano Medeiros foi dar parabéns pessoalmente à turma e destacou a importância de se buscar aprimoramento das técnicas utilizadas, registrando que o município caminha junto com a categoria. “Agora vocês são profissionais habilitados pela Marinha do Brasil e a ideia é que também repassem os conhecimentos adquiridos para os colegas”, comentou.

A capacitação teve um total de 112 horas/aula, divididas em conteúdos teóricos e práticos, entre eles condução e operação de embarcação e pesca, conhecimentos a respeito de primeiros socorros, técnicas de sobrevivência, prevenção e combate a incêndio e prova de natação. Dos 30 inscritos, 21 conseguiram passar por todas as etapas do processo.